Amigos do Rio Cuiabá retiram 30 toneladas de lixo

Amigos do Rio Cuiabá retiram 30 toneladas de lixo

Texto: Eduardo Cardoso Foto: Pedro Henrique

O amor ao rio Cuiabá reuniu cerca de 1500 voluntários, na manhã do último sábado (24), para a segunda grande ação de limpeza, denominada Amigos do Rio Cuiabá. A união de esforços desse grupo, focado na preservação ambiental, retirou mais de 30 toneladas das margens e leito do rio que empresta o nome a capital do estado.

Voluntários de aproximadamente 60 instituições, entre Marinha, Exército, órgãos públicos estaduais e municipais, organizações não governamentais, cooperativas, ribeirinhos, ambientalistas, entre outros, coletaram lixo nas margens e leito do rio, em Cuiabá e Várzea Grande.

A ação também reuniu voluntários com embarcações. Com aproximadamente 20 barcos, foram recolhidos amigos do rio recolheram lixo nas margens dos bairros Carrapicho, Porto, Praeirinho, Alameda e São Gonçalo Beira Rio.

No centro da praça Luiz Albuquerque, conhecida como praça do Porto, foi montada a tenda do absurdo. Por lá, foi colocado o que de mais estranho foi encontrado pelos voluntário: espingarda de pressão, restos de móveis, punhal, carcaças de veículos e bicicletas, placas de trânsito, seringa veterinária foram alguns dos itens.

Esta foi a segunda edição do projeto em Cuiabá.  A ação é realizada há 17 anos às margens do rio Guaporé, em Pontes e Lacerda. E foi de lá que o deputado Wancley trouxe a inspiração da iniciativa para a capital. “A questão da educação ambiental precisa ganhar força na sociedade. Esse trabalho, que começou há mais de uma década em defesa do rio Guaporé, foi trazido para a capital por se tratar de um município maior e que despeja, diariamente, toneladas de lixo no leito de seu principal afluente”, explicou o parlamentar.

Todo o material reciclável retirado neste sábado foi doado para Cooperativa de Catadores de Cuiabá, que fará a reciclagem dos resíduos.

 

Eduardo Cardoso

Deixe uma Resposta

Close